bombeiros

Por volta das 12h30 deste sábado, 07/01, a Companhia Independente Bombeiro Militar de Formosa -  foi acionada para empreender buscas ao servidor público, do ICMBio, Helder Cariolano da Luz, 27 anos, morador do DF.

Segundo testemunhas, Helder estava em um grupo com outras 5 pessoas, que iriam fazer rapel em um dos paredões da cachoeira "Véu da Noiva", na Fazenda do Indaiá, em Formosa - GO. Ele estaria fazendo as amarrações iniciais quando um galho que se apoiava soltou e ele caiu desde o topo do paredão, batendo em pedras e imergindo no poço d'água, aos pés da cachoeira.

A cachoeira tem 48 metros de altura e a queda do paredão (o que fica ao lado esquerdo da cachoeira) foi de, aproximadamente, 30 metros. Com o impacto, o capacete que ele usava se soltou e ficou destruído.

Foram empenhadas nas buscas 6 equipes dos Corpos De Bombeiros Militares de Goiás e do DF, totalizando 29 militares. Primeiramente, foi feito o reconhecimento do local, de acesso dificultoso, pelas equipes de buscas terrestres e, então, os mergulhadores de resgate localizaram o corpo por volta de 15 horas. Finalmente, o helicóptero foi utilizado para realizar o resgate do corpo até uma área de acesso possível a veículos.

A Fazenda é a mesma onde foi encontrado o corpo do professor Carlos Brasileiro Pita, no último dia 26 de dezembro, mas os pontos em que os acidentes ocorreram estão distantes mais de um quilômetro, embora sejam no mesmo rio.

O IML de Formosa já o recolheu o corpo, que apresentava severas lesões no crânio.

Fonte: CBM Formosa

colchoes1

 

Prime Cursos